98108 (1)

HQRROR #30 – Alien

O xenomorfo na nona arte


Com o lançamento de Alien: Covenant, os fãs finalmente podem ver a volta de Ridley Scott para a clássica franquia que ele tão habilmente ajudou a criar. Quando lançado em 1979, Alien se tornou um sucesso multimídia com seus filmes, livros, brinquedos, videogames e, é claro, histórias em quadrinhos.  

A série Alien nos quadrinhos foi primordialmente inspirada no primeiro filme da franquia e tem sido publicada há muito tempo pela editora Dark Horse. Desde que teve seu início, a série na nona arte teve 68 histórias, entre dramas ligados diretamente com a franquia e roteiros não canônicos, onde crossovers ocorrem.

Tudo se inicia em 1979, ano em que uma adaptação literal para as HQs do filme foi concretizada. Essa história serviu como um prequel para sequência de outras três tramas que aconteceriam imediatamente após os eventos do filme Aliens, o Resgate. Nessas histórias, os personagens Hicks, Newt e a própria Ripley seriam os protagonistas. Entretanto, devido a história que se desenrola em Alien 3, a editora precisou alterar o início da série. O nome e a identidade dos três personagens foram modificados para manter pertinentes os acontecimentos dos quadrinhos no universo do xenomorfo. Intitulados Aliens: Outbreak, Aliens: Nightmare Asylum e Aliens: Female War formam um arco contínuo, onde uma infestação das baratas espaciais  acontece na Terra. Essa série serviu de plano de fundo para várias outras histórias que vieram depois.

3016258-aliens+-+outbreak+(1996)+-+page+1O grande hiato

Os quadrinhos de Alien continuaram sendo lançados regularmente até 1999, juntamente com série de HQ Alien vs Predador. Após isso, tivemos um intervalo de 10 anos até que pudéssemos rever o monstro de H. R. Giger. Durante essa pausa, houve apenas os lançamentos da Omnibus abordando o universo da franquia. 

Em 2009 a série finalmente voltou com Aliens: More Than Human. Tendo histórias continuamente lançadas, essa franquia tem se mostrado até os dias de hoje, e traz a capacidade de ser amplamente explorada, tanto em seu próprio universo quanto em outros, fazendo seus conhecidos crossovers.

 

AliensMoreThanHuman

 

Temas comumente abordados


As histórias em quadrinhos de Alien normalmente se passam no século XXII, seguindo a linha temporal dos três primeiros filmes da franquia. Costumam trazer também a conhecida Weyland-Yutani Corporation como um dos pivôs para os conflitos das narrativas. Outras temáticas comuns da série são o futuro da civilização humana, colonização e exploração espacial, e a constante experimentação da espécie xenomorfa por parte de cientistas irresponsáveis. Também são trazidos outros aspectos dessas criaturas pouco explorados nos filmes, como a estruturação de sua sociedade e sua biologia. Apesar de quase sempre serem localizadas em um futuro não tão longínquo, algumas histórias mostram infestações alienígenas que aconteceram em diferentes períodos do desenvolvimento da humanidade.

 

aliens-omnibus


Os crossovers

Uma fatia extremamente prolífica da série aconteceu em embates ocorridos entre o xenomorfo e diversos super-heróis e outras criaturas espaciais. O primeiro (e provavelmente de maior sucesso) combate entre universos aconteceu em 1989 quando a criatura de Giger encontrou a raça dos Yautja em Alien vs. Predador. Essa série se provou ser extremamente popular e influente, culminando em um jogo de videogame de sucesso e posteriormente uma versão cinematográfica. Esse mesmo encontro ocorreu novamente, só que dessa vez envolvendo um dos últimos kryptonianos e o defensor de Gotham. Em Superman e Batman vs Alien e Predador, lançado em 2007, tivemos a oportunidade de presenciar uma treta entre esses quatro mitológicos seres.

Houve também contendas individuais entre os heróis e os Aliens. Tanto o Batman quanto o Superman tiveram a oportunidade de lutar contra as iminentes infestações dessas criaturas no planeta Terra. Também tivemos o Lanterna Verde, Witchblade e The Darkness tentando sobreviver às monstruosas assolações dessas criaturas. Da mesma forma, a pouco conhecida equipe de justiceiros WildC.A.T.S, criação de Stan Lee, teve sua oportunidade de lutar pela sobrevivência ao se deparar com os xenomorfos. Outras três fantásticas brigas vivenciadas nos quadrinhos aconteceram contra o Exterminador, o Juiz Dredd e a musa vampira Vampirella. Em todos os casos foi necessário batalhar para continuar vivo diante desses seres.    

Muitos irão enxergar os quadrinhos de Alien como inferiores às “verdadeiras” histórias em quadrinhos. Elas dirão (talvez com alguma razão) que o empobrecimento das narrativas acontece devido ao desenvolvimento apressado das mesmas para acompanhar a hype criada pelos lançamentos dos filmes. Entretanto, muitos bons artistas e escritores trabalharam no andamento das várias sagas por onde o xenomorfo passou. As narrativas que daí vieram são tão diferentes umas das outras que se torna impossível não encontrar ao menos uma que agrade, além de ao seu jeito, expandir a mitologia da criatura e seu universo, mesmo que oficialmente não façam parte do Cânone.

Claro que há algum exagero e uma óbvia exploração da franquia, mas qual a série de sucesso no gênero do horror não vivenciou isso?  
0a04e89bf56717dda7b1623afa28a756


Tauami de Paula
Tauami de Paula
Estudante de Letras e de Filosofia, esse apreciador do absurdo e do inexplicável sempre encontrou mais sentido na arte do que na vida. Sendo raramente visto fora de casa, passa os dias lendo, escrevendo e criando teorias sobre tudo aquilo que não entende.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *